Você está visualizando atualmente Os perigos do consumo excessivo de açúcar e como reduzi-lo na dieta

Os perigos do consumo excessivo de açúcar e como reduzi-lo na dieta

Pouca gente sabe, mas o açúcar é um dos maiores vilões para a saúde do seu coração e para o seu emagrecimento. E o seu consumo em excesso é um dos maiores fatores de risco para o desenvolvimento de doenças crônicas. 

Pois é, você já tinha se perguntado sobre o verdadeiro perigo que aquele docinho entre as refeições oferece?

Mas isso não significa que você precisa viver uma vida de privações! Na verdade, através de escolhas mais inteligentes você consegue ter uma relação mais saudável com a comida. Neste artigo vamos dar uma olhada em algumas formas de reduzir o açúcar e entender o verdadeiro risco que ele representa na sua vida. 

Por que o açúcar faz tão mal?

Na verdade, o açúcar em si não é um vilão.

O nosso corpo precisa do açúcar em forma de glicose para fornecer energia para nossas células. Aliás, a glicose é uma das fontes de energia mais importante para o excelente funcionamento do cérebro e músculos. 

O risco real está no tipo que consumimos e na quantidade. 

Nesse sentido, o açúcar mais comum nos padrões alimentares modernos é aquele refinado (ultraprocessado) extraído da cana de açúcar. 

Primeiramente, ele é riquíssimo em calorias e baixo valor nutricional, sendo rapidamente absorvido pelo organismo e criando picos de glicose no sangue. Porém, esse pico cai rapidamente, fazendo com que você tenha ainda mais vontade de consumir alimentos açucarados.

Quando você consome açúcar em excesso, as células do organismo param de responder de forma adequada à insulina, hormônio responsável pela regulação do açúcar no sangue. Chamamos isso de resistência à insulina

Esse ciclo vicioso de consumo em excesso de açúcar e aumento na produção de insulina leva o organismo a hiperglicemia e, no longo prazo, ao desenvolvimento de diabetes 2. 

Como consequência, além da obesidade, a diabetes tipo 2 é fator de risco para doenças crônicas como a hipertensão. Isso acontece devido a uma combinação de fatores como o aumento de gordura corporal e aumento de triglicerídeos. Além disso, o excesso de açúcar coloca o seu corpo em um constante estado de inflamação, que também é fator de risco para o adoecimento do coração. 

Você pode gostar também::: O que causa a síndrome metabólica?

Como reduzir o seu consumo?

Levar uma vida mais doce preservando sua saúde é possível! Por isso, confira alguns ótimos substitutos para o açúcar refinado na sua dieta:

  1. A polpa de maçã é uma excelente opção! Com baixas calorias e natural, ela é ótima para você usar em sucos e vitaminas. 
  2. A tâmara é uma fruta com um alto teor de açúcar natural em sua composição e que pode ser usada para adoçar diversas receitas. 
  3. O damasco, além de ser ótimo para a saúde intestinal, também é uma boa opção de sobremesa.
  4. Uvas passas são outro exemplo de alimento rico em açúcar natural e que também auxilia na digestão.
  5. A stévia é um adoçante completamente natural e que você pode usar até mesmo para adoçar o cafézinho!

Você pode gostar::: Qual a diferença entre os tipos de açúcar?

Diminuir o consumo do açúcar é uma questão de saúde para todos nós e fazer escolhas mais saudáveis faz toda a diferença na hora de buscar uma vida longa e sem doenças! 

E se este é o caminho que você escolheu trilhar, eu posso ajuda-lo! Clique no link abaixo e começa a sua mudança de estilo de vida hoje mesmo:

francis agendar